O piloto de motocross, Thiago Alves Giehl, 26 anos, morreu após ser eletrocutado ao tocar em uma barra de ferro, no último domingo (27), em uma boate da cidade de Nova Xavantina/MT (660 quilômetros de Cuiabá). Um fio desencapado seria o motivo da fatalidade. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

Segundo as informações da Polícia Civil, Thiago estava com um grupo de pessoas em um estabelecimento comercial, bebendo. Um deles entrou no local para fazer limpeza e pediu para que ninguém entrasse ou encostasse na barra de pole dance, pois ela estava dando choque.

Mesmo assim, Thiago entrou no local e tocou na barra, recebendo uma descarga elétrica. Ele foi socorrido por outra pessoa e levado imediatamente para o hospital, onde não resistiu.

A Polícia Civil foi acionada e fez a liberação do corpo, que foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. O caso será investigado pela delegacia local.

Fonte: Olhar direto

Mensagem

BANNER GRUPO WHATSAPP
Novalar
rondo motos
Jaru Cred